Pratas da Casa

14 de julho de 2009

Finalmente está montada a primeira escalação do Pratas da Casa, time constituído exclusivamente de botões de resina, a maioria mesclado em cores diferentes.

Quatro deles, os menores, foram feitos com as características da regra gaúcha, com 45mm de diâmetro, 6mm de altura, trilho de 3mm e bainha com 8º. Já sei que jogam muito bem com dadinho, mas quero experimentar uns toques e chutes ao gol com o “disco dupla face” deles.

A estréia deverá ser na próxima quinta-feira, no Bola Quadrada.

17 comentários para “Pratas da Casa”

  1. Augusto disse:

    Parabéns Marcão, lindo trabalho !!!! A tonalidade conseguida no Marrom ficou perfeita… Anteriormente vc já tinha mencionado o segredo da manufatura das peças, mas daria para montar um passo a passo ? ? Ficaria bem interessante… Eu trabalho com dois tipos de resina, uma bem mais enconta que a outra, qual seria o tipo que vc trabalha… Mais uma vez parabenizo pelo trabalho, pena que eu não em Brasília….

  2. Zamorim disse:

    Valeu, Augusto!

    Uso resina de poliester Crislight.
    O processo é simples. Misturo o corante à resina, depois o catalizador e deixo secar na forma.

    Como ainda estou fazendo testes, uso o próprio becker em que misturo, como forma, ou seja, deixo secar lá mesmo. Depois usino no torno, como os botões de acrílico.

    Para conseguir os padrões, eu não saberia explicar passo a passo, porque foi tudo feito sem pensar muito.

    Aquele cobre (o marrom), eu consegui misturando o pó cobre (purpurina bem fina) à resina, sem nenhum outro corante. Se colocar muito pó, o padrão fica como aqueles com aparência de granito. Destes, os coloridos são os que misturei pó metálico e corante.

    Os mesclados, simplesmente despejei a resina de uma cor em cima da outra, antes de secarem.

    Depois coloco aqui os nomes dos pigmentos. As cores sólidas vêm em forma de pasta, especificamente para tingir resina. Os metálicos, são o tal pó.

    Neste momento estou experimentando uma pasta cobre. A resina está lá na oficina secando. Parece que vai ficar legal.

  3. Andre Silva disse:

    Boa noite, este azul ficou muito bonito você usou corante azul e mais pó que cor?

  4. Zamorim disse:

    Oi André

    Realmente o azul foi o que eu gostei mais. Usei a pasta azul com o pó cobre.

    Tinha me esquecido de falar do preto com os “triângulos” vermelhos. Este foi uma experiência de uma idéia que tive ao juntar as sobras (muita) de acrílico da confecção dos botões. Neste caso, peguei cacos vermelhos e pretos, sem nenhum critério e misturei à resina com pó de grafite (outro corante interessante). Não gostei muito do resultado com os triângulos, mas pode dar samba se os cacos forem pré-processados.

  5. Andre Silva disse:

    Boa noite, eu fiz um atacante com duas camadas sendo a inferior de acrilico que é bem mais resistente e a superior de resina. Misturando a cor desejada na resina e colocando em cima do acrilico, esperei secar e depois fiz a moldagem final.

    Viamão,RS

  6. Zamorim disse:

    Massa, André, é uma boa pedida, também!
    Ótima idéia, vou experimentar ;-)
    Tem foto?

  7. Zamorim disse:

    Augusto e todos, o nome da pasta que uso para tingir a resina é Siq Pasta, da Siquiplás. É da mesma fábrica da resina, a Crislight.

    O pó que usei é Purpurina, mesmo. Não sei se tem variações, mas é bem fina mesmo. O pó de grafite também dá um efeito bem bacana.

  8. [...] Também já usei grafite em pó e purpurina dourada, prateada e cobre para tingir. Mais aqui. [...]

  9. Luis disse:

    Trabalho muito legal, parabéns, adorei as cores…Eu também mexo com resina (hobbysta, reproduzo e customizo peças de playmobil) você talvez pudesse me indicar sites onde eu possa comprar estes corantes e pigmentos que você utiliza? a resina que uso é a epoxi…abraços

  10. Zamorim disse:

    Valeu, Luis!
    Então, o fabricante dos corantes que uso é a Siquiplás (http://www.siquiplas.com.br/). Eles vendem direto ao consumidor.

  11. Daniel disse:

    Grande Marcos:

    Estou me organizando para personalizar meus primeiros botões de acrílico. Uma vez que você coloca a personalização (“camisa”), como é que você usa/aplica a resina? Eu vi algumas fotos em que você demonstra com o botão da Espanha mas gostaria de saber como fazer a aplicação da resina para deixar tudo retinho e igual. Obrigado, Daniel

  12. Zamorim disse:

    Daniel, depois de aplicada a resina nos escudos, volto com os botões ao torno, para deixar tudo plano. Depois ainda passo todos na lixa d’água para tirar as irregularidades.

  13. marcio araujo disse:

    sou iniciante e estou a procura desse material pois, aqui em Belém do Pará esse material é meio escasso e o acrilico é caro mas, encontrei um tipo de resina que pode me ajudar a substituir o acrílico. Minha dúvida é se essa resina que você usa não deixa os botões pessados, quanto tempo leva para secar, ela não derrete durante o processo de modelagem no torno e se ela não fica opaca quando é lixada.

  14. PAULO MENDES disse:

    Ola Zamorim tudo bem,trabalho com confecçoes de botoes puxadores,comprei um torno pra fazer esses aneis de acabamento.Gostaria se puderes me informar de saber qual a quantidade de catalisador coloco na resina pra secagem mais rapido e se apresando a secagem da mesma ela tem problema de rachar.Ah ela seca normal conforme a temperatura do tempo ou tem alguma coisa que se pode fazer.

  15. PAULO MENDES disse:

    Ola Zamorim tudo bem,trabalho com confecçoes de botoes puxadores,comprei um torno pra fazer esses aneis de acabamento.Gostaria se puderes me informar de saber qual a quantidade de catalisador coloco na resina pra secagem mais rapido e se apresando a secagem da mesma ela tem problema de rachar.Ah ela seca normal conforme a temperatura do tempo ou tem alguma coisa que se pode fazer. desde ja agradeço

  16. Larissa disse:

    Olá, boa tarde! gostaria de saber qual a forma que você utilizou para fazer isso..

  17. Marcio disse:

    Boa tarde estou a procura de um time assim.. Vc vende? Desde já agradeço e aguardo contato..

Deixe um comentário


Marcadores

1930 1934 1938 1942 1943 1944 1953 1954 1955 1958 1961 1962 1963 1966 1970 1974 1976 1980 1981 1982 1983 1987 2008 2009 Ajax Alemanha Argentina Argélia Arsenal Atlético Madrid Atlético Mineiro Atlético Paranaense Austrália Bahia Bangú Barcelona Bayern Boca Jr. Bola Quadrada Botafogo Botões Bragantino Brasil Brasiliense Brasiliense 2009 Brasília Camarões Campeões Brasileiros Campeões Candangos Campeões mundiais Campineira Ceará Ceilândia CEUB CFZ-DF CFZ/DF Chile Coenge Colo-Colo Colombo Copa 2010 Coritiba Coréia do Norte Coréia do Sul Cosmos Costa do Marfim Criciúma Cruzeiro Cruzeiro do Sul CSKA Defelê Dinamarca Equipes inesquecíveis Escudos Eslovária Eslovênia Espanha Esperança Estados Unidos F-Arte Fenerbahce Fiasco FIFA Figueirense Fiorentina Flamengo Fluminense França Futebol Gama Gana Goleiros Grécia Grêmio Grêmio Brasiliense Grêmio futmesa Guará Hertha Berlin Holanda Honduras Hungria Ibis Inglaterra Interestadual Internacional Internazionale Ipatinga Itália Japão Jogões Juventus Legião Libertadores Malutron Manto Sagrado Mengão 81 Mesas Milan México Nigéria Nova Zelândia Novorizontino Obina Palmeiras Paraguai Paraná Payssandu Periquito Piloto Pioneira Ponte Preta Portugal PSV Rabello Real Madrid River Plate Roma Sampaio Correa Santos Schalke 04 Seleção Seleção Brasileira Senta a Púa Serviço Gráfico Sobradinho Sporting Suíça São Caetano Sérvia Taguatinga Tiradentes Torneio Dadinho Torneio do Terraço Traves UEFA Uruguai Usinagem Valência Vasco vidrilha Vidrilhas Vila Nova Volta Redonda Werder Bremen Zamorim F.B. África do Sul

Parceiros

eXTReMe Tracker